Entrevistas RSS

Afif defende direta em 88 em todos os níveis

2 de agosto de 1987

Nesta entrevista ao Diário Popular, o deputado Guilherme Afif defende a tese das eleições diretas em 1988 em todos os níveis. Ele é categórico ao afirmar que existe um profundo fosso entre Nação e Estado por entender que Brasília é a Capital do Estado, mas não é a Capital da Nação brasileira, porque se fosse o MPS não daria prioridade para compra de apartamentos funcionais, em detrimento à assistência médica em todo o País. Afif classifica o Estado como um verdadeiro “bandido” no processo econômico, em consequência da sua excessiva intervenção na economia.

Sem medo do poder

Julho de 1987

Recentemente eleito deputado constituinte, o ex-presidente da Associação Comercial de São Paulo Guilherme Afif fala à revista Ato sobre o atual momento político brasileiro. Aplaudido por empresários de todo o país pelas suas propostas em favor de um “social-liberalismo” que substitua o que classifica de “social-estatismo”, ele declara que não tem medo do poder e confirma que há chances de disputar a prefeitura de São Paulo. Confira isso e muito mais nessa entrevista.

Afif acha o Estado selvagem e corrupto

7 de junho de 1987

Em entrevista sobre a Assembleia Constituinte concedida ao jornal Correio Braziliense, o deputado federal Guilherme Afif (PL/SP) aponta uma tendência liberal para o novo texto constitucional que sairá da comissão de ordem econômica. Afif disse temer que o poder do lobby do Estado tenha força suficiente para anular as vitórias que os micro e pequenos empresários tiveram com a isenção de impostos e outras vantagens.

Afif quer ”bater no Sistema”

25 de janeiro de 1987

Em entrevista ao jornal O Estado de S.Paulo, o presidente da Associação Comercial de São Paulo, eleito deputado federal, Guilherme Afif, diz que no Congresso irá trabalhar para definir o papel do Estado. “Precisamos, urgentemente, descentralizar as funções do Estado, obrigando a aplicação dos recursos em benefício da sociedade”. Afif vai para o Congresso para “bater no sistema”, caso o governo esteja ao lado do povo, ou “bater no governo”, caso o governo estiver contra o povo.

Volta às origens

6 de dezembro de 1981

O jornal Shopping News publica entrevista com o secretário da Agricultura, Guilherme Afif, sobre sua possível candidatura ao governo do Estado. Em sua fala, ele destaca o fortalecimento da agropecuária para a reversão do processo de urbanização. Afif critica o plano de humanização das favelas e justifica o fato de não ter aparecido com destaque nas pesquisas eleitorais: “é porque eu me neguei até agora a encomendar pesquisas …”

Página 23 de 24