Quarenta anos de sucesso empresarial

24 de Fevereiro de 2012
Tamanho da fonte Zoom in Regular Zoom out

Guilherme Afif iniciou sua carreira empresarial em 1963 na Indiana Seguros, companhia fundada por seu avô.

Aos 32 anos assumiu a presidência da Associação das Companhias Seguradoras do Estado de São Paulo.

Por sua capacidade administrativa foi escolhido, um ano depois, para o cargo de diretor da Associação Comercial de São Paulo (ACSP). Nessa época foi também superintendente do jornal Diário do Comércio, da revista Digesto Econômico e do Instituto Gastão Vidigal.

Em 1982 assumiu pela primeira vez a presidência da ACSP, onde permaneceu até 1986, quando deixou o cargo para disputar a Assembleia Nacional Constituinte.

Nessa gestão, Afif idealizou e aprovou o Estatuto da Microempresa, considerado fundamental para o desenvolvimento do país, e criou o Fórum de Jovens Empreendedores.

No mesmo período foi nomeado, também, presidente da Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo (Facesp).

No Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas) Guilherme Afif pôde colocar em prática seus projetos em benefício das pequenas empresas. Como presidente do Conselho da entidade, entre 1994 e 1996, regulamentou o Simples (Sistema Integrado de Pagamento de Impostos), que estava previsto no artigo 179 da Constituição, elaborado por Afif quando deputado federal constituinte.

Entre 1994 e 1997 Afif foi destaque como presidente da Confederação das Associações Comerciais e Empresariais do Brasil (CACB), período que coincidiu com sua gestão no Sebrae.

Em 2000, em parceria com a ACSP e a Facesp, criou o Movimento Degrau, que inseriu mais de 200 mil jovens brasileiros no mercado de trabalho.

Afif assumiu pela segunda vez, em 2003, a presidência da ACSP, onde ficou até 2007. Foi um dos períodos mais importantes de sua trajetória empresarial, já que ele idealizou o Microempreendedor Individual (MEI), o Feirão do Imposto e o Impostômetro. Também promoveu a campanha De Olho no Imposto, com adesão de 1,5 milhão de pessoas.

Deixe um comentário!